Inverno – Parte 2

  ESTUDO DO INVERNO – PARTE 2 Léo Artése Aqui você pode procurar ideias que podem transformar sua vida. É o lugar da purificação, da renovação para a preparação de novos começos. Os componentes desta direção segundo Kenneth Meadows (The Medicine Way) são:        1. Qualidade: Conhecimento e sabedoria Conhecimento é aquilo que nós conhecemos. Isto é processo de conhecimento. Conhecer é ter um entendimento através da experiência pessoal do que é conhecido. Conhecimento

Ler mais

Datura

Datura é um nome genérico que abrange várias espécies. A mais conhecida é a *Datura Stramonium*. No Brasil é conhecida como Trombeteira, Lírio. No Perú é também conhecida como Floripôndio ou Tóe. É utilizada desde a antiguidade, citada até na obra de Homero “Odisséia” . Conta que Ulisses chegou à ilha habitada pela ninfa Circe, esta deu de beber à tripulação uma poção, para que os marujos pudessem esquecer de sua terra natal. Na Idade

Ler mais

Jurema Rainha

  A Recriação Contemporânea de um Mito Dentre os estudos da antropologia brasileira, a Jurema ocupa um lugar singular. O próprio termo comporta denotações múltiplas, que são associadas em um simbolismo complexo. Além do sentido botânico (1), a palavra Jurema designa ainda pelos menos três outros significados: Preparado líquido à base de elementos do vegetal, de uso medicinal ou místico, externo e interno, como a bebida sagrada, “vinho da Jurema”; cerimônia mágico-religiosa, liderada por pajés,

Ler mais

Jurema – Atikum

A JUREMA NO “REGIME DE ÍNDIO”: O CASO ATIKUM *Rodrigo de Azeredo Grünewald* (1) 1. Introdução Escrever sobre a jurema é, para mim, um esforço de concentração de elementos dispersos de pesquisa para a composição de um texto evocativo de interpretações relacionadas aos usos sociais de uma planta, principalmente entre a Comunidade Indígena de Atikum-Umã. Vale entretanto, e antes de situar a jurema na Serra do Umã (sertão pernambucano), apontar algumas questões mais gerais que

Ler mais

Jurema – Mãe Eterna

O xamã nativo como herói cultural, jurema como mãe eterna Clarice Novaes da Mota Palestra apresentada dia 18 de março de 2005 no Primeiro Encontro Brasileiro de Xamanismo. Organização Léo Artése/Associação Lua Cheia Pax, São Paulo, 13 a 20 de março de 2005. (**) Existe em antropologia um personagem que se descreve como herói cultural. É assim designada a pessoa, ou ser vivo seja imaterial, animal ou vegetal  que estabelece as bases da cultura em

Ler mais

Jurema

A “Jurema Negra” ( Mimosa Tenuiflora ), é também conhecida como Espinheiro Preto. É uma árvore muito conhecida no nordeste brasileiro~. São utilizadas a casca e a raiz macerada na água, vinho ou cachaça. É desta planta que se origina o famoso “Vinho da Jurema”, citado até na obra “Iracema”, de José de Alencar : “Através da planta, os guerreiros de Araquem entravam em comunicação com o mundo invisível” É usada nos rituais do Catimbó

Ler mais

Jurema entre os índios do nordeste

É a partir do momento que os grupos indígenas da região referida pelos etnólogos como nordeste etnográfico começam a ser pesquisados de forma sistemática (a partir da década de 80 deste século), que um debate sobre a jurema se viabiliza inclusive com tentativas de generalizações.  Entre Pernambuco e Bahia, passando por Alagoas e Sergipe, encontramos recentemente algumas descrições de rituais indígenas que parecem integrados no chamado complexo da jurema (10). Diferente da imagem da Cabocla

Ler mais

ABC da Farinha de Coca

  INSTITUTO DE CULTURA ALIMENTARIA ANDINA  INCAA O  ABC da Farinha de COCA JAVIER TRIGO PESAQUE campos_devida@yahoo.es Membro fundador da ASOCIACIÓN PERUANA DE LA HOJA DE COCA  APEHCOCA PORQUE é boa para a saúde ? A folha de coca é um alimento muito completo, altamente assimilável e com propriedades medicinais muito especiais. Destaca-se sua grande quantidade de cálcio (mais de 2.000 mg. frente a 120 mg. de leite), Vitamina A, Complexo B (incluí B12), zinco,

Ler mais

Coca – Fórum Internacional

Fórum Internacional da Folha de Coca “Uma semana de Paz com a Coca” Lima-Peru 4 a 8 de Abril de 2005 Este documento vem circulando com o objetivo de juntar um máximo de assinaturas, para apoiar a reforma das leis nacionais e internacionais. Os abaixo assinados, representantes de Argentina, Bolívia, Colômbia, Equador e Peru, na qualidade de expositores e participantes do FIHC, subscrevemos o presente pronunciamento: Como resultado do FÓRUM INTERNACIONAL DA FOLHA DE COCA

Ler mais

Coca – Valor Nutricional

O PROIBICIONISMO E AS FOLHAS DE COCA É muito desafiante a luta contra o proibicionismo, porque a sociedade, de uma maneira geral, acredita em tudo o que escuta e que lê. Até algumas pessoas, (não as que são do xamanismo), aproveitam as leis proibicionistas vigentes, para assombrar leitores e confundir as plantas sagradas com drogas, numa busca de se auto-afirmarem como mestres, seres iluminados, que vieram para fazer justiça e livrar a humanidade dos perigos.

Ler mais

Coca

Quero compartilhar um pouco do que aprendi com esta planta fabulosa a Erythroxylon Coca – La Cocamama. Não pode ser confundida com a droga cocaína. No Peru ela é considerada a síntese das Plantas de Poder. Suas folhas até hoje são utilizadas para leitura de um oráculo, por aqueles que tem esse conhecimento. Tanto no Peru, como na Bolívia ( Ipadu) ela tem até hoje uma grande importância como chá, para dores de estômago, cólicas,

Ler mais

Cogumelos Magicos

  Os cogumelos não são considerados plantas pela ciência, não têm clorofila. Porém na visão xamânica “de tudo o que está plantado” sim.   Os cogumelos enteógenos, têm sido de grande importância em várias cerimônias religiosas. O texto abaixo é extraído do livro Retorno à Cultura Arcaica (Nova Era)de Terence Mckenna, um xamã e botânico, que viveu no Hawai, onde reproduzia o cogumelo em seu laboratório de plantas de poder : ” Há talvez dezenas de

Ler mais

Plantas Mágicas

  clips do livro de Sangirardi Jr. ” Os índios e as plantas alucinógenas “ A palavra droga tem, hoje em dia, uma carga semântica negativa, de condenação, medo, curiosidade mórbida. Droga em grego é pharmakon, quer dizer remédio, medicamento, mas também é veneno. É o nome dado a Platão à bebida que matou Sócrates. Em inglês o termo drug é o termo que serve tanto para remédio como para veneno. A Organização Mundial de

Ler mais

Mais sobre a Primavera – 3 parte

Parte 3 O corpo mental cede espaço para o corpo espiritual Na Roda Medicinal dos nativos norte-americanos, a primavera é a hora de Wabun, o Espírito guardião do Leste . Momento da prosperidade, de tudo o que têm a ver com crescimento. Para melhorar comunicações, interações de grupo, fertilidade e abundância. Estamos dizendo até breve ao Inverno, do Sul, do Búfalo Branco, dos poderes de limpeza, da renovação e da purificação; e dando boas-vindas ,

Ler mais

Mais sobre a Primavera – parte 2

PARTE 2 O três caminhos espirituais do Leste (Primavera) são: CLARIDADE Este primeiro Caminho Espiritual é considerado um presente para os humanos. Pode abrir qualquer mundo ou tornar-se a nossa própria prisão. No Nível Físico trabalhamos se para simplificar a relação com o mundo. No Mental para vermos as coisas mais nitidamente, ter mais lucidez. No Emocional para ser mais espontâneo, direto, desbloquear energias emocionais. No Nível Espiritual, para se tornar um canal a serviço

Ler mais

Mais sobre a Primavera – parte 1

  PRIMAVERA – O RETORNO DA LUZ Parte 1 A força da noite e do dia tornam-se iguais. A Terra renova seu ciclo de nascimento e ressurreição. As plantas enterradas no solo durante o longo inverno, levantam suas cabeças, as folhas aparecem nas árvores, o zumbido dos insetos enche o ar e as cores vivas das flores primaveris dominam a paisagem. É o tempo de recomeçar, de plantar sementes em nossos jardins, e sementes para

Ler mais

Atualidade da vida enteógena

  É profundamente excitante e fértil o fato de que o xamanismo, as técnicas arcaicas do êxtase , na feliz definição de Elíade, estejam novamente em destaque em nossos dias. Desde as incursões às selvas sul-americanas de alguns botânicos e etnógrafos do século passado, que a comunidade científica vem demonstrando um crescente interesse pela contribuição que as plantas psico-ativas podem dar, tanto para estabeler uma cartografia da consciência, quanto para a solução dos grandes enigmas

Ler mais

A Consciência da Expansão

Silva Sá, Domingos Bernardo G. “Ayahuasca, a consciência da expansão. Discursos sediciosos. Crime, Direito e Sociedade. Rio de Janeiro Instituto Carioca de Criminologia. Ano 1, nº 2, 2º sem. 1996, pp. 145-174.   Ayahuasca – A consciência da expansão *DOMINGOS BERNARDO GIALLUISI DA SILVA SÁ*   O presente trabalho resulta dos pareceres que apresentei ao conselho Federal de Entorpecentes  CONFEN, sobre o uso da bebida denominada ayahuasca, conhecida no Brasil, com os nomes de Daime

Ler mais

Parto com Ayahuasca

*ADELISE*, Médica pediatra, conta o nascimento de João Miguel (Porto Alegre/RS)* É legítimo reconhecer a maturidade de um ser que vive sobre os valores do Si-Mesmo, que os leva à prática em sua marcha de evolução. C.G.Jung Descrição do Trabalho de Parto O trabalho de parto domiciliar é criação que vai sendo construída durante a toda gestação. Primeiro, pelos pais, especialmente pela mãe, e, depois, é agregada a figura do profissional, no meu caso, médica.

Ler mais

Vinho das Almas

  A Bebida Sacramental Ayahuasca, é fruto da decocção do cipó Banisteriopsis Caapi e a folha Psycotria Viridis. É também conhecida por Yagé, Caapi, Nixi Honi Xuma, Oasca, Vegetal, Santo Daime, etc. Seu nome mais conhecido, AYAHUASCA é de origem quechua, que significa “Liana (Cipó) dos Espíritos “. É chamada também de ” O Vinho da Alma ” ou “Pequena Morte”. Era utilizada pelos povos pré colombianos, incas, e muito utilizada pelos índios da Amazônia.

Ler mais