As Luas na Roda Medicinal

A Roda Medicinal é dividida em 12 Luas ou mês. Ela começa com a Lua do Inverno, que começa no dia do solstício de inverno, dia 21 de junho. Os ciclos de mudança, continuam por aproximadamente 30 dias de intervalo, até o retorno, para assim recomeçar do ponto. Em virtude do nascimento de cada humano começa sua jornada na vida em uma dessas luas.Sua posição inicial dá a você uma força particular, mudanças e lições de vida da lua do seu nascimento.

Através do seu nascimento a lua também determina seu clã elemental e o espírito guardião que deu à você sua primeira proteção.

Sua posição de nascimento na roda é a que lhe deu os primeiros ensinos de como ver a vida. Para muitas pessoas, o nascimento descreve o caminho onde está a sua primeira infância. Para outras onde naturalmente começa a crescer e mudar. Então eles viajam para outras posições na roda, para aprender o que essas posições tem para ensinar.

A Lua na Roda Medicinal representa cada um dos doze totens de nascimento e às doze expressões de personalidade através das quais a vida é percebida e vivenciada. Em cada Lua se encontrará indicações sobre características de personalidade, tendências e potenciais, e uma indicação da Missão e Caminho de Vida do Eu Real – o eu interior, ‘oculto’ – para ajudar a perceber que a vida tem, de fato, propósito.

Todo indivíduo é diferente é único e se desenvolve à sua maneira. Mas as pessoas que nascem no mesmo período de Influência da Terra compartilham certas características e atitudes amplas, assim como as pessoas nascidas em uma determinada região de um país compartilham seu dialeto local.

Somos todos cidadãos do mundo, mas não somos todos iguais. Existem diferenças pronunciadas, como a cor da pele e as atitudes raciais e culturais. Outras distinções são determinadas pelo país de nosso nascimento.

Mesmo quando as pessoas têm traços e qualidades de caráter semelhantes, elas podem expressá-las diferentemente, mas, não obstante, haverá um padrão de comportamento amplo, mas distinto, e é isso que cada seção do totem de nascimento indicará.

Como na Natureza, as energias que estamos examinando aqui não são estáticas e fixas. Eles estão fluindo e em constante movimento. O índio americano comparou este fluxo às marés da lua. As energias da Lua se acumulam à medida que a superfície de sua luz refletida aumenta e atinge seu pico na Lua Cheia. Então eles diminuem à medida que a Lua diminui e menos da superfície é acesa. Assim, com os humanos, existem modos similares de expressão dos traços e qualidades de caráter e estes serão examinados.

Um outro fator é que as energias podem ser projetadas positiva ou negativamente. Cada traço de caráter tem uma polaridade positiva – um aspecto construtivo – e uma polaridade negativa, ou aspecto adverso, e cada um contém a semente de seu próprio oposto, de acordo com a lei da qualidade, yang e yin. Assim, a pessoa que é dominadora e ditatorial está expressando os aspectos negativos da proteção e da nutrição. Alguém que é manipulador e dissimulado está expressando a polaridade negativa do que é útil e despretensioso. Da mesma forma, uma pessoa que é indecisa e egoísta está mostrando os aspectos negativos de quem é confiável e cuidadoso.

Na Roda, podemos estudar 3 totens pessoais; do clã elemental (terra, fogo, água e ar), das 4 direções (sul, norte, leste e oeste) e das luas.

Segundo Meadows:

“Os totens são representações simbólicas de forças e qualidades intangíveis e, portanto, ferramentas mentais úteis e auxiliares da memória para permitir que você sistematize informações e associe idéias. Mas eles podem se tornar muito mais do que isso se você quiser que a Roda Medicinal realmente funcione para você.

Seus totens podem se tornar ajudantes ativos no desenvolvimento de seus sentidos intuitivos, pois podem atuar como conectores aos diferentes níveis com os quais estão associados. Para usar uma analogia, elas são como as teclas funcionais de um computador pessoal, que podem direcioná-lo para toda uma gama de informações e também fornecer acesso ao desempenho de determinadas tarefas.

A informação assim obtida é um conhecimento intuitivo porque não vem de um livro ou de um programa de computador, mas de dentro de si mesmo. É uma percepção – uma visão interior – que vai além do processo de raciocínio. É a iluminação que está além do intelecto e, uma vez obtida, torna-se a verdade que é pessoal para você.

Se organizam na seguinte sequência:

  1. Mês do nascimento: Dá as datas inicial e final do período de tempo aproximado de trinta dias.
  2. Influência da Terra: A influência principal que afeta o período de tempo é indicada sucintamente na maneira como a Natureza geralmente se expressa durante aquela parte do ciclo anual:

Luas Adaptadas para o Hemisfério Sul:

Lua da Primavera – Clã do Pássaro Trovão
Tempo do Despertar: De 23 de setembro à 22 de outubro.

Quando a Natureza parece despertar de seu descanso do inverno e nascer em uma nova vida

Lua da Fertilização – Clã da Tartaruga
Tempo de Crescimento: De 23 de outubro à 21 de novembro)

Quando a vegetação cria raízes e mostra crescimento rápido acima da superfície o solo

Lua Florescimento -Clã da Borboleta
Tempo do Florescimento: De 22 de novembro a  21 de Dezembro

Ultimo ciclo da Primavera o momento em que as plantas  agora estão ficando totalmente crescidas.

Lua do Verão – Clã dos Sapos
Tempo dos Dias Longos: De 22 de dezembro a 19 e janeiro

começa no Solstício de Verão, quando a Natureza começa a desacelerar seu ritmo e a crescer em direção à maturidade de dar fruto para as primeiras colheitas

Lua da Primeira Colheita – Clã do Pássaro Trovão
Tempo da Maturação: De 20 de Janeiro à 18 de fevereiro

É o período em que o Sol está mais quente no Hemisfério Sul e amadurece os frutos da Terra.

Lua Brilhante – Clã da Tartaruga
Tempo da Colheita: De 19 de fevereiro a 20 de março

Marca o tempo e abundância para e extrair da recompensa da Terra

Lua do Outono – Clã da Borboleta
Tempo do cair das folhas: De 21 de março a 19 de abril

Este é o primeiro ciclo influenciado pelo espírito do Oeste, é o tempo do outono, quando tudo na natureza desacelera.

Lua da Ultima Colheita – Clã dos Sapos
Tempo Gelado: De 20 de abril à 20 de maio

A natureza está ocupada cuidando e protegendo tudo o que nasceu. Os ventos frios começam a chegar, e chega a Ultima Colheita

Lua das Noites Longas – Clã do Pássaro Trovão
Tempo das Noites Longas noites: De 21 de maio a 20 de junho

O último dos ciclos influenciados pelo espírito do Oeste, o ar é fresco e limpo, a noite começa a ser maior do dia e se preparar para a renovação da Terra.

Lua do Inverno – Clã da Tartaruga
Tempo de renovação: De 21 de junho à 21 de julho

O primeiro ciclo do inverno que traz o Solstício De Inverno empo de refrescar e renovar a Terra.

Lua da Germinação – Clã da Borboleta
Tempo da Limpeza e Purificação De 22 de julho à 22 de agosto

Este ciclo intermediário da estação de inverno é o tempo em que a Terra está se purificando antes que o ritmo de vida aumente e as coisas comecem a crescer novamente.

Lua dos Ventos – Clã dos Sapos
Tempo dos Grandes Ventos – De 23 de agosto à 22 de Setembro

Este terceiro ciclo do Sul, uma época de turbulência atmosférica quando os ventos são tempestuosos, mudando rapidamente de direção. É uma época em que as temperaturas mais quentes trazem as chuvas em preparação para uma nova vida que está prestes a florescer.

Compartilhe: