O Poder da Madona Negra

  Este trabalho começa com um sonho. Um GRANDE SONHO que o Xamã da tribo deve contar a seu povo. Há 10 anos, em 1981, após minha iniciação xamânica com Michael Harner em Esalen, Califórnia, passei por um sério problema de saúde ao chegar ao Brasil. Tive um acidente vascular cerebral, um aneurisma, e enfrentei a morte e o desmembramento numa real concretização da iniciação xamânica. Minha vida esteve por um fio, e quando entrei

Ler mais

As Deusas Sujas

As Deusas Sujas   (Mulheres que correm com os Lobos) Há um ser que vive no subterrâneo selvagem das naturezas das mulheres. Essa criatura faz parte da nossa natureza sensorial e, como qualquer animal completo, possui seus próprios ciclos naturais e nutritivos. Esse ser é curioso, gregário, transbordante de energia em certas horas, submisso em outras. Ele é sensível a estímulos que envolvam os sentidos: a música, o movimento, o alimento, a bebida, a paz, o

Ler mais

Manifesto da Mulher Indígena

  A PALAVRA DA MULHER É SAGRADA COM A TERRA   MANIFESTO DA MULHER INDÍGENA Discurso proferido por ocasião do Dia Internacional da Mulher Câmara Municipal do Rio de Janeiro,onde várias mulheres serão homenageadas com um moção especial, por ocasião do lançamento do livro do Vereador Pedro Porfírio Sem medo de falar do aborto e da paternidade responsável. Estávamos todas lá em 1988, no Congresso Nacional, pintados e pintadas como se fôssemos para a guerra.

Ler mais

Tempo Matriarcal

Em épocas matriarcais, ser uma mulher era compreendido como algo especial, por causa da habilidade de sangrar  sem feridas e sem morte. E, reter  seu sangue durante um longo período  na gravidez, para produzir uma vida nova! Que presente miraculoso, a perpetuação da espécie. Como uma mulher entra na idade da sabedoria, seu sangue sábio foi retido dentro de seu corpo. Esta era considerada uma estadia, o incrível poder da mulher em menopausa. Seu ‘

Ler mais

A deusa que é três

  “A chave da deusa tríplice abre muitas portas que dão acesso às camadas mais profundas do nosso ser”. A concepção da deusa representada em três formas, a deusa tríplice, ocorrem em muitas lendas dos velhos ancestrais celtas e estão presentes também na crença de muitos grupos pagãos. A mitologia grega, concebia a deusa tríplice manifestada em Ártemis (que encerra a Lua), em Selene (Lua Cheia) e Hécate (Lua Minguante). Na verdade, os antigos gregos

Ler mais