Decreto escrito pelo Mestre Irineu

Decreto escrito pelo Mestre Irineu

Centro de Irradiação Mental “Luz divina”

Decreto de Serviço, para o ano de 1970.

O Presidente do Centro de Irradiação Mental “Luz Divina”, senhor Raimundo Irineu Serra, usando de suas atribuições legais, Decreta:

1. Estado Maior, ficam definitivamente obrigados os membros desta casa, a manter, o acatamento e a paz da mesma, normalizando assim, a sinceridade e o respeito para com o seu próximo.

+ Não se pode negar que, em qualquer carreira, arte ou profissão, que se escolha na vida, só chegará ao ponto culminante, se à mesma entregar-se de corpo e alma.

E esta é a regra que exerce a ciência Divina

2. Todos os pais de família, devem criar dentro do seu próprio lar, um centro de paz e harmonia, esposo e esposa, se tratarem com dignidade e respeito, incluindo as pétalas deste amor, no mais firme propósito do futuro e da felicidade.

Todos os pais de família devem ser um professor exemplar para os seus filhos, dentro do seu próprio lar; nunca devem pronunciar palavras que possa prejudicar o conceito da criança; ensinar aos seus filhos quais são os direitos de um “cidadão brasileiro”, tratar bem ao seu próximo, desde o mais graduado, até o mais humilde; ensinar quais são os deveres religiosos, que, se deve respeitar a Deus sobre todas as coisas, rezar todos os dias, para afastar os maus, as doenças e as dificuldades, etc.

3. Dentro do estado Maior, não pode haver intrigas, ódio, desentendimentos por mais insignificante que seja; todos que, tomam esta santa bebida, não só devem procurar, vê belezas, primores e sim; corrigir os seus defeitos, formando assim o aperfeiçoamento da sua própria personalidade; para poder ingressar neste batalhão e seguir nesta linha, se assim fizerem poderão dizer, sou irmão.

Dentro desta igualdade todos terão o mesmo direito, em casos de doenças, será expressamente designado uma comissão em beneficio do irmão necessitado.

4. Nos dias de trabalho:

Todos que vierem a procura de recursos, físicos moral e espiritual, devem trazer consigo, sempre uma mente sadia, cheia de esperanças, implorando ao infinito eterno espirito do bem e a virgem soberana mãe criadora, que, sejam concretizadas os seus desejos de acordo com os seus merecimentos.

Para iniciar a nossa meditação:

Depois da distribuição do Daime, todos irão colocando-se em seus respetivos lugares, com exceção das senhoras que tem crianças, as mesmas deverão primeiramente agasalhar os seus filhos.

Continuando a nossa meditação:

Ao chegar a hora do intervalo, ao efetuar-se a primeira chamada, todos deverão colocar-se em forma, tanto o batalhão masculino, quanto o feminino pois, todos têm a mesma obrigação….

A verdade é, que o centro é livre mas, quem toma conta, deve dar conta; ninguém vive sem obrigação e quem tem obrigação tem sempre um dever a cumprir.

+ A disciplina meta, não pode ser aprendida em livros; tudo depende do nosso próprio eu, só a experiência nos traz a realização.

O poder da existência divina, nos mostra igualmente o contato da nossa evolução individual no plano terrestre, em relação ao plano superior.

Além disso é nos dado o saber, que existe em nossa mente, atrações superiores e inferiores.

O conhecimento elementar nos leva a mudança completa de todos os nossos valores, dos nossos hábitos e compreensão mútua, relativamente com os exames da nossa própria consciência.

+ Existe em nossa mente um conjunto de atrações; superiores e inferiores, esta atração, posta em prática diariamente, trará um desenvolvimento capaz de produzir os resultados mais altruísticos; isto, dependendo da nossa própria consciência, se praticar-mos o bem, o bem nos conduzirá e se praticar-mos o mau; é claro, só podemos ser derrotados.

Se assim fizermos, estaremos marchando para o caminho da perfeição e em busca de novas realizações.

 

ENTRE EM CONTATO

Envie um e-mail para a equipe do Site




©Desenvolvido por Agência Rumi

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?