Festival de Wesak, Vaisakha, Visakha é o festival do Buda.

Festival de Wesak, Vaisakha, Visakha é o festival do Buda.

Léo Artése

O festival de Wesak ou de Vaisakha, Visakha é o festival do Buda. É marcado pelo nascimento, iluminação e morte de Buda. Este festival é celebrado anualmente na lua cheia de maio (Wesak significa maio em sânscrito); é o grande festival do oriente. Buda é o intermediário espiritual entre o centro onde a vontade de Deus é conhecida e a hierarquia espiritual.

 

NO CÉU DA LUA CHEIA

O momento pleno de Wesak acontece na entrada da Lua Cheia, porém o Festival é celebrado dois ou três dias antes e dois ou três dias após o plenilúnio.Segundo o Mestre Ascensionado Djwhal Khul afirmou nos livros de Alice Bailey: :

“Wesak é o maior evento no nosso planeta e o que tem o maior efeito sobre a humanidade. Nenhum custo é tão alto para ser útil à Hierarquia Espiritual por ocasião da lua cheia do Wesak. Nenhum preço é tão caro para ganhar-se iluminação espiritual e que é possível particularmente nessa época”.

Buda é a expressão da vontade de Deus, da incorporação da luz e o indicador da Finalidade Divina. Em todas as partes do mundo são evocadas a sabedoria, a compreensão e o fluir da luz nas mentes dos homens. Forças de iluminação são ativadas no festival de Wesak. Estas forças emanam do coração de Deus; estão relacionadas à compreensão do Divino.

Esta energia transmite o amor-sabedoria nas quais Buda e o Cristo são a expressão. Milhares de cristãos participam atualmente do festival de Buda. É o encontro espiritual do Oriente com o Ocidente

A lua cheia é um período em que as energias espirituais estão excepcionalmente disponíveis e facilitam um contato mais próximo entre a humanidade e a Hierarquia Espiritual. A cada mês, as energias carregam as qualidades específicas da constelação que influencia o mês em particular. Estas energias em estabelecem “Atributos Divinos” na consciência da humanidade. Nós procuramos canalizar o fluxo espiritual nas mentes e nos corações dos homens fortalecendo a ligação entre o reino humano e o Reino do Deus.

A entrada neste caminho é possível para indivíduos, para grupos, e para a humanidade como um todo, como uma unidade. As energias não podem ser tocadas, agarradas, mas os indivíduos ou grupos são enriquecidos e vitalizados.

Desde 1992 tenho celebrado a Cerimônia de Wesak. O festival de Wesak, é reconhecido por muitos como um dia de impacto espiritual supremo. Este festival não é uma celebração comemorativa mas um presente, um evento vivo, uma ceremonia sagrada que ocorre a cada ano entre Buda e o Cristo. A hierarquia espiritual une-se enquanto uma benção é derramada em nosso planeta.

Esta cerimonia marca um ponto elevado do ano espiritual e serve para vitalizar a aspiração de toda a humanidade, a evolução humana, os caminhos como uma fonte de luz e do amor, inspirando e estimulando todos os esforços que promovem a harmonia humana e planetária. O esforço cooperativo da humanidade ao invocar as energias da luz e do amor, trabalhando junta na meditação e nas preces no festival de Wesak, a preservação de uma quietude interior, a atenção focalizada, engloba os participantes nessa força espiritual, possibilitando uma expansão da consciência mais intensa do que em qualquer outra época do ano.

Wesak é a mais importante comemoração dos budistas e para todos os que se interessam pelos Ensinamentos do Buddha, porque é a semana em que se comemora o Nascimento, a Iluminação e o passamento de Siddhartha Gautama. .

Numa lua cheia do mês de Wesak (maio), aos trinta e cinco anos de idade, após ter passado seis anos de mortificações e penitências, estava enfraquecido. Decidiu largar estas práticas, para seguir um sentido interior que sempre tivera desde pequeno. Sem a ajuda de ninguém, a não ser de Seu próprio esforço; sem a orientação de ninguém, a não ser Sua percepção, sentou resoluto sob uma figueira e alcançou alto grau de Iluminação.

Após ter instruído sobre a Sublime Verdade, durante quarenta e cinco anos, passou o Buddha para o Paranirvana com a idade avançada de oitenta anos, na localidade de Kusinagara, também num dia de lua cheia.

O Wesak é um período de grande oportunidade espiritual para os seres humanos, excelente para a interiorização da consciência, para meditação e reflexão, para a realização de invocações da Luz Espiritual, para fortalecer a Chama Divina, que vibra em nosso interior.

No dia 13 de maio (Sábado) as 20:00 hs , nós do Céu da Lua Cheia, estaremos reunidos, como fazemos há 21 anos, para a Celebração do Wesak – Ano 2.017, no Sítio Lua Cheia em Itapecerica da Serra – SP. Esta cerimônia é aberta para àqueles que quiserem compartilhar conosco desse momento.

Se você nunca veio, veja aqui como participar de Trabalhos no Céu da Lua Cheia :

http://www.xamanismo.com.br/Lua/SubLua118781928

buddah

BUDA

(Léo Artése)

Compreendendo as Nobres Verdades

Vou examinando meu viver
Libertando a mente prá alcançar
E ver o mundo exatamente como é

Olhando a verdade, o sofrimento
Fruto de uma insatisfação
Entendendo a causa dele estar
E otimista com o futuro que virá

Vou examinando o pensamento
Vendo o poder que nele está
A palavra justa vou dizendo
Também sabendo a hora certa de calar

Peço para mim a ação justa
Para eu saber me comportar
Me sustendo e vou sustentar
E vou plantando o que quero semear

Nesta vida vou me descobrindo
Vivendo a cada amanhecer
Viajando dentro do Meu Ser;
Eu me liberto da ação que faz sofrer

Buda, Grande Mestre do Oriente
Na via do meio quero andar
Eu liberto agora o que Eu Sou;
Senhor Gautama, o Nirvana quero achar

ENTRE EM CONTATO

Envie um e-mail para a equipe do Site


©Desenvolvido por Agência Rumi

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?