Nona lunação

Esta lua tem a dádiva de tomar decisões justas, da perseverança e da habilidade para analisar . Poderá aprender os conceitos do dever e do trabalho, e adquirir bom senso e confiança.

Esta Lua ensina sobre justiça, discriminação, habilidades de raciocínio e análise.

Ensina a equilibrar suas próprias energias espirituais e físicas, dá habilidades para penetrar em regiões secretas do coração e da alma, e despertar a curiosidade

O texto abaixo é do Livro de Mirella Faur, publicado sob sua autorização : O Anuário da Grande Mãe – Gaia. Além desse a autora tem os livros publicados: “O legado da Deusa. Ritos de passagem para mulheres.” Ed. Rosa dos Tempos R.J. e “Mistérios Nórdicos. Deuses. Runas. Magias. Rituais.” Ed. Pensamento S.P. O seu blog: http://sitioremanso.multiply.com/

Plenilúnio em peixes

Sol em Virgem

Conceito da Polaridade Astrológica

Peixes e um signo de água, cujas características principais são a compaixão a sensibilidade e a busca da realização espiritual. Virgem e um signo de terra, que valoriza a organização, a analise e a discriminação racional, a responsabilidade e o serviço. A combinação das qualidades de água e terra favorece a fertilidade, o plantio e a colheita. E uma data propícia às praticas oraculares e a abertura da percepção psíquica, compartilhando os frutos dos esforços pessoais ou da própria terra – e agradecendo os resultados e a dádivas (flores, frutos, filhos, poemas, canções, pinturas, danças, artesanato) Avaliam-se as realizações, ponderando-se sobre os erros e a dificuldades e preparando-se a terra e as sementes para a próxima colheita.

Elementos Ritualísticos

Velas violetas ou lilás.

Infusões de ervas que proporcionem a percepção psíquica (artemísia, angélica, louro, tomilho e hortelã).

Cestas com flores silvestres, espigas de trigo e frutas, um vaso com terra molhada pronta para ser semeada.

Incenso de artermísia, lótus ou olíbano, essência de nardo, gardênia, artemísia ou violeta.

Cristais de ametista, agua-marinha, azurita, lepidolita ou safira.

Roupas exóticas, imagens com representações dos animais totêmicos (peixes, foca, baleia, cavalo-marinho, golfinho, pingüim, gaivota, enguia, sapo, martim-pescador, cegonha), oráculos (Runas, Tarot, I Ching), mandalas para meditação, pinceis e tintas para artesanato, pedaços de argila para modelar símbolos ou figuras, lãs coloridas, imagens da Terra. Musica com batidas de tambor.

Celebração com pão caseiro com sementes e passas, gelatina de agar-agar com maçã, suco de melancia ou melão, ponche de frutas.

Divindades

As deusas do mar mais conhecidas sao Anfitrite, Salacia, Atargatis, Afrodite, Yemanjá, Ilmatar, Mari, Sedna e Tethys.

Dos deuses telúricos, escolhemos Dammuzi, Tammuz, Osiris, Freyr Attis, Crom Cruaich e Mabon. Os Anjos associados sao Metatron e Mikael.

Os Orixás correspondentes são Xangô, Yori, Logun-edé, Ossaim.

Rituais

Para celebrar a abundancia da colheita, exterior e interior; proporcionar a abertura da percepção psíquica em viagens astrais ou xamânicas, canalizações, radiestesia ou oráculos; oferendas para os seres da natureza e a Mãe Terra; purificação com água do mar; irradiação em beneficio das áreas poluídas ou desequilibradas do planeta; invocação da compaixão divina para curar a humanidade, por intermédio de Maria e de Kwan Yin.

Mentalização

Esvazie a mente para sentir a liga,cao com o plano divino. Concentre-se em sua respiração e entoe o mantra OM, irradiando paz e luz para o planeta e para a humanidade.

Afirmação “Sinto-me conectada (o) ao Divino e desapego-me de todo o supérfluo.”

A matriarca da nona lunação

E “A Mulher do Sol Poente”, a guardiã das gerações futuras. Ela nos ensina a encontrar a verdade pessoal, encarando o futuro sem medo e manifestando nossas visões na Terra. Somos responsáveis pelas próximas sete gerações e não devemos lhes deixar um legado negativo, doentio ou fragmentado.

ENTRE EM CONTATO

Envie um e-mail para a equipe do Site


©Desenvolvido por Agência Rumi

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?