Santo Daime, Peiote, São Pedro, Ayahuasca – Aliança dos sacramentos

Léo Artése

 Santo Daime, Peiote, São Pedro, Ayahuasca

Chris e estivemos acompanhando a comitiva do Santo Daime, na ” ALIANÇA DOS POVOS NATIVOS”, evento que aconteceu de 9 a 23 de fevereiro de 2.003 no Brasil, em duas etapas : Ubirici-SC, com a cerimônia da Igreja do Fogo Sagrado de Itzachilatan representado pelo seu presidente, Aurelio Dias Aurélio Tekpankalli e no Céu do Mapía, no Amazonas com o ritual da Igreja do Culto Eclético – Santo Daime com o Padrinho Alfredo Gregorio de Melo

Antecedeu esse evento numa montanha, a 60 quilômetros da cidade de Morélia, no México, onde está instalado um templo de pedra, o Teokali, com uma Kiva subterrânea onde guardam as medicinas e também realizam cerimônias, onde foram traçadas algumas estratégias de uniao em benefício da expansao das medicinas nativas das Américas (Santo Daime, Peiote, Sao Pedro, Ayahuasca) e no mundo inteiro, fundamentado no direito de culto universal e de transporte das medicinas e sacramentos. As reunioes, em meio a um calendário de cerimônias que durou 10 dias e reuniu representantes de diversos países (México, Brasil, Peru, Equador, Colombia, Argentina, Espanha, EUA, Franca, Inglaterra) teve a participacao do Secretário da Igreja do Santo Daime, Enio José Staub, Marina Villalobos, diretora do Centro Interamericano sobre Espiritualidade Indígena – CISEI. e da Comunidade de Kayumari, da NAC (Native American Church), do peiote. Esta comunidade é super ecletica.

Kayumari tem como base a comunidade em Columbia, que fica a umas 4 horas de estrada de San Francisco. Tem filiais em Nova Iorque, Praga, algum lugar da Alemanha, e algum lugar da Suíça. Vai gente de todos estes lugares para o encontro no sul, umas 17 pessoas. O povo de Kayumari vai sempre para o Mapiá, tem uma casa lá. (informa Bia Labate )

Ligado a eles, tem uma curandeira da Iboga, a Bernadette. Ela esta abrindo uma filial da iboga em Sao Francisco. Outra linha ligada a eles é a do Sundance.

A assinatura do documento de Aliança foi realizada no Céu do Mapiá, em fevereiro de 2003 entre Padrinho Alfredo, Aurélio Diaz e diversas lideranças da tres Américas.

Na ocasião foram realizadas cerimônias com as medicinas tradicionais e dado o encaminhamento final de apoio a Igreja do Culto Eclético no dossie pela Liberdade de Culto encaminhado junto a Organização das Nações Unidas, em Genebra, na reunião anual das Comissões de Assuntos Religiosos e de Assuntos Indígenas em março de 2003. Realmente um momento importante para o xamanismo universal.

Bastão símbolo da aliança

Por Rafael Gué Martini

Neste ano de 2007 são comemorados os quatro anos da Aliança entre o Fogo Sagrado de Itzachilatlan e a Igreja do Culto Eclético da Fluente Luz Universal (ICEFLU). Para celebrar esta data foram programados vários eventos neste mês de fevereiro. O primeiro deles aconteceu neste dia 10 em Urubici/SC no sítio de Segualquia, terra consagrada ao Fogo Sagrado no Brasil. Desta igreja estiveram presentes representantes do Brasil, Espanha, Ururguai e Hilário Chiriap, do Equador, também representante da nação Shuar e que manifestou interesse em integrar-se ao movimento da Aliança. Do Santo Daime participaram representantes do Brasil, Espanha, Uruguai e África do Sul.

O líder mundial do Fogo Sagrado, Aurélio Dias Tekpankalli, iniciou falando do propósito da noite. Para ele foi um momento de compartilhar as experiências mútuas vividas neste período e o momento do Fogo Sagrado devolver os instrumentos sagrados que foram entregues por ocasião do acordo firmado em 2003. “Na cerimônia do Mapiá estaremos também recebendo de volta um instrumento para nós rezarmos com ele nestes próximos quatro anos”, contou Aurélio. Foi devolvido para o Santo Daime um bastão, símbolo da Aliança, feito de dois jagubes trançados, que foram decorados com quatro braceletes de cobre, ouro e prata. No anel do topo estão gravados os símbolos das duas linhas – de um lado a estrela do Santo Daime e do outro a Cruz Andina do Fogo Sagrado. “O propósito da cerimônia é o respeito, o entendimento da Aliança, da irmandade, da unidade. Quando dois rios se unem, não há mais como separar suas águas nem distingui-las”, acrescentou o chefe indígena, indicando que a Aliança é um caminho para a eternidade.

O secretário nacional da Igreja do Santo Daime, Enio Staub, também reconhecido como líder do Fogo Sagrado junto com o Padrinho Alfredo, manifestou a satisfação de chegar nos quatro anos com vários representantes fazendo parte “das linhas da dança da vida, na Dança do Sol e nesta colheita sagrada no seio da montanha, na Busca da Visão”. Assim se consagra o movimento de união através da convivência entre os membros de cada caminho que, desta forma, vai se transformando em uma única irmandade.

Lideranças do fogo sagrado e Santo Daime em frente à árvore da vida

Além da cerimônia foram firmados vários acordos, frutos da ampliação da confiança entre as lideranças destes dois “rios espirituais das américas”. Neste ano o Fogo Sagrado inicia projeto de apoio ao combate da malária na Vila Céu do Mapiá, numa bela demonstração de solidariedade que deve ajudar muito as populações de nossa comunidade Matriz. Outros frutos são as bênçãos recebidas para, em 2011, iniciar a Busca da Visão e a Dança do Sol na Comunidade Céu do Patriarca, em Florianópolis/SC. Este ano esta comunidade comemora seus 20 anos e a agenda de aniversário esta pronta. Em parceria com o Fogo Sagrado, será realizado em Julho de 2007 um evento mundial com a apresentação de vários desenhos cerimoniais da Espanha, América do Sul e África. Está prevista a presença de Taita Polívio do Equador; Hilário Chiriap, da nação Shuar; Os Charrua do Uruguai, apresentando a cerimônia da Erva Mate; Gogo Nomzimane, representante do povo Zulu da África do Sul; os Kaxinawá da Amazônia; um Maracami, dos Ucholi do México e os Mapuches do sul do Chile. O evento deverá ser dividido entre palestras sobre a cosmogonia de cada etnia presente, trabalhos espirituais com suas medicinas tradicionais e feitio do Santo Daime, num período de 15 dias. Para os representantes do Santo Daime todos os pontos acordados foram além da expectativa. Não se esperava um passo tão ousado, que promete para o ano grande prosperidade nesta linha de união dos povos.

Em 2003 Aurélio apresentou o ritual do Fogo Sagrado de Itzachilatlan para Alfredo Gregório de Melo na Vila Céu do Mapiá, no AM. Agora, entre os dias 15 e 18 de Fevereiro de 2007, acontece outra Cerimônia na Vila para comemorar os quatro anos desta Aliança e reforçá-la, como um rezo de união para toda América – a terra que se chamava Itzachilatlan. Nas palavras do Secretário Nacional da ICEFLU “foi uma grande alegria para todos presentes ver que a visão que se teve de formar esta aliança sagrada é a verdade no coração de muitos, isso nos motiva a dar continuidade a esta grande aliança universal”.

ENTRE EM CONTATO

Envie um e-mail para a equipe do Site


©Desenvolvido por Agência Rumi

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?